Aconteceu hoje (17) a premiação da Quinzena dos Realizadores 2018, mostra paralela ao Festival de Cannes. E o grande vencedor foi o filme “Climax” (2018), novo longa dirigido pelo cineasta argentino-francês Gaspar Noé.

O filme de Noé concentra-se num grupo de cerca de vinte jovens entusiastas da dança de rua. Eles se reúnem para um acampamento de 3 dias em um internato abandonado no meio de uma floresta. Ao comemoram durante a última noite, reunidos em torno de uma grande tigela de sangria, a atmosfera se torna elétrica, e uma estranha loucura aumenta à medida que a noite avança. Está claro que eles foram drogados, mas não sabem por que ou por quem. Com o tempo, paralisados pelo ritmo hipnótico e cada vez mais elétrico da música, eles lutam para conter suas neuroses e psicoses. Alguns deles sentem que estão flutuando em um paraíso celestial; a maioria, no entanto, está mergulhada nas profundezas do inferno.

Confira abaixo a lista completa de filmes premiados na Quinzena dos Realizadores:

Prêmio Cinema de Arte

“Climax”, de Gaspar Noé, (França, Bélgica)

Europa Cinemas Lable

“Lucia’s Grace”, de Gianni Zanasi, (Itália)

Prêmio da Société des auteurs et compositeurs dramatiques (SACD)

“The trouble with you”, de Pierre Salvadori, (França)

Prêmio de Curta-Metragem

“Skip Day”, de Patrick Bresnan e Ivete Lucas (EUA)