A coprodução brasileira, francesa e portuguesa “Diamantino” (2018), de Gabriel Abrantes e Daniel Schmidt, recebeu o Grande Prêmio da 57ª edição da Semana da Crítica, mostra paralela ao Festival de Cannes, que tem como objetivo revelar novos cineastas.

Rodado em Portugal, o longa traz o jogador de futebol Diamantino (Carloto Cotta) no centro da história. Depois de ser responsabilizado por um dos maiores fracassos da história recente do futebol português, o jogador resolve deixar os campos. Em crise, ele decide fazer uma série de coisas em busca de um novo propósito na vida, entre elas, a adoção de um refugiado. Enquanto embarca nessa odisseia, as irmãs gêmeas do jogador tramam para continuarem lucrando às custas do seu talento nas quatro linhas.

Diamantino” será distribuído nos cinemas brasileiros pela Vitrine Filmes.