Foi anunciado ontem (2/11) durante a cerimônia de encerramento da 40ª Mostra Internacional de Cinema em São Paulo os filmes vencedores do festival.

O grande vencedor foi o filme venezuelano “El Amparo” (2016), de Rober Calzadilla, que levou o prêmio Troféu Bandeira Paulista de melhor filme de ficção. O filme se baseia numa história real que aconteceu na Venezuela, onde pescadores foram confundidos com guerrilheiros.

Veja abaixo a lista completa dos filmes vencedores:

PRÊMIO DO JÚRI INTERNACIONAL
MELHOR FILME – EL AMPARO, (EL AMPARO) – Venezuela

MENÇÃO HONROSA DO JÚRI
ATRIZ – MIRJANA KARANOVIC, por A BOA ESPOSA (DOBRA ZENA)
ATRIZ – LENE CECILIA SPARK, por SÁMI BLOOD (SAMEBLOD)

PRÊMIO ABBAS KIAROSTAMI
MAAT (MAAT), de Saba Kezemi – Irã

PRÊMIOS DO PÚBLICO

MELHOR FILME DE FICÇÃO INTERNACIONAL
THE HANDMAIDEN, de Park Chan-wook – Coréia do Sul

MELHOR DOCUMENTÁRIO INTERNACIONAL
GURUMBÉ – CANCIONES DE TU MEMORIA NEGRA, de Miguel Ángel Rosales –
GAGA – O AMOR PELA DANÇA

MELHOR FILME BRASILEIRO DE FICÇÃO
ERA O HOTEL CAMBRIDGE, de Eliane Caffé

MELHOR DOCUMENTÁRIO BRASILEIRO
MARTÍRIO, de Vincent Carelli, de Vincent Carelli

PRÊMIO DA CRÍTICA

MELHOR FILME INTERNACIONAL
DEPOIS DA TEMPESTADE (Umi Yori Mo Mada Fukaku), de Hirokazu Koreeda – Japão

MELHOR FILME BRASILEIRO
PITANGA, (Pitanga) de Beto Brant, Camila Pitanga

PRÊMIO DA ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE ROTEIRISTAS E AUTORES

MELHOR ROTEIRO DA COMPETIÇÃO NOVOS DIRETORES
EL AMPARO, (EL AMPARO) de Rober Calzadilla

PRÊMIO DA ABRACCINE

MELHOR FILME
A MULHER DO PAI (MULHER DO PAI), Cristiane Oliveira

 

Fonte: Mostra SP